Catedral de Brasília
Notícias

Cardeal Sergio da Rocha completa hoje 16º aniversário de Ordenação Episcopal

11/08/2017 15:55

 

O arcebispo de Brasília (DF) e presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), cardeal Sergio da Rocha, completa hoje, 11 de agosto, dezesseis anos de Ordenação Episcopal.

Sergio da Rocha era sacerdote na Diocese de São Carlos, em São Paulo, quando foi nomeado bispo auxiliar de Fortaleza (CE) e titular de Alba pelo então Papa João Paulo II, em 13 de junho de 2001.

A Sagração (Ordenação Episcopal) ocorreu em agosto daquele mesmo ano da nomeação, na Catedral de São Carlos (SP), tendo como bispos ordenantes: dom José Antônio Aparecido Tosi Marques, dom Joviano de Lima Júnior e dom Bruno Gamberini.

O lema escolhido por dom Sergio para seu ministério episcopal foi: 'Omnia in Caritate' (Tudo na Caridade).  A partir deste lema, dom Sergio tem vivido sua missão de evangelizar e direcionar o seu rebanho para Deus.

Dom Sergio também passou pela Diocese de Teresina (PI), como bispo coadjutor em 2007 e arcebispo metropolitano em 2008.

Em junho de 2011, o Papa Bento XVI nomeou Sergio da Rocha como arcebispo metropolitano de Brasília, assumindo o lugar deixado pelo cardeal dom João Braz de Aviz, que tomou posse, naquele ano, como prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica no Vaticano, também a pedido do Papa Bento XVI.

A Missa de Posse do arcebispo ocorreu no dia 06 de agosto de 2011, marcando o início do exercício pastoral e missionário de dom Sergio na Capital Federal.

Como bispo, dom Sergio desenvolveu diversas atividades, entre as principais ações estão:  

- Atuação na Comissão Episcopal para a Doutrina da Fé - CNBB (2002-2007); na Comissão Episcopal do Mutirão de Superação da Miséria e da Fome da CNBB (2001-2004) e na Secretaria do Regional Nordeste I (2002-2007).

- Foi bispo de referência da Pastoral da Juventude e da Pastoral Vocacional no Regional Nordeste I (2002-2007) e bispo de referência para o Ensino Religioso e para os Presbíteros, no Regional Nordeste IV (2007-2011).

- Assumiu a presidência da Comissão Episcopal para o Seminário do Regional Nordeste IV (2007-2011); da Comissão Episcopal para Doutrina da Fé (2011-2015), e do Departamento de Vocações e Ministérios do CELAM (2007-2011).

- Representou a CNBB na XIII Assembleia do Sínodo dos Bispos sobre a Nova Evangelização (2012) e na XIV Assembleia do Sínodo dos Bispos sobre a Família.

Na Arquidiocese de Brasília, dom Sergio também alcançou vários feitos. Veja abaixo:

- Criou 19 paróquias e duas áreas pastorais, além de ter criado o Vicariato Leste, os Setores XIV e XV, o Projeto Arquidiocesano de Comunhão e Partilha e a Comissão Arquidiocesana de Pastoral com representantes dos Setores Pastorais e dos Vicariatos.

- Realizou a quinta e sexta Assembleias Arquidiocesanas de Pastoral e elaboração do Plano Arquidiocesano de Pastoral, baseados nas “Diretrizes para a Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil”. Elaborou ainda o Diretório Pastoral dos Sacramentos e implantou a Pastoral do Povo de Rua e a Pastoral do Menor.

- Reestruturou a Comissão Arquidiocesana Justiça e Paz e o Conselho Arquidiocesano de Pastoral em oito Setores Pastorais.

- Organizou as Equipes de Coordenação Pastoral e das Assembleias nos Vicariatos, reformou o Seminário Arquidiocesano Nossa Sra. de Fátima, construiu o Seminário Propedêutico e reconheceu a Faculdade de Teologia (FATEO).

- E por fim, desde agosto de 2013, o cardeal vem realizando as Visitas Pastorais Missionárias às Paróquias. O objetivo das Visitas é fazer com que o Arcebispo conheça, de forma direta, a realidade da Arquidiocese, para assim melhor servi-la, animando a missão evangelizadora, apoiando e orientando as atividades desenvolvidas no âmbito da administração e da pastoral.

Em 20 de abril de 2015, os trabalhos locais do arcebispo tomaram proporção nacional, quando ele foi eleito presidente da CNBB. A eleição aconteceu durante a 53ª Assembleia Geral da entidade, que ocorreu entre 15 e 24 de abril, daquele ano, e contou com 313 epíscopos ativos em todo o Brasil. Dom Sergio foi eleito durante o primeiro escrutínio e recebeu 215 votos.

E como forma de reconhecimento pelas grandes obras realizadas pelo arcebispo, em 19 de novembro de 2016, dom Sergio foi criado Cardeal durante o Consistório Ordinário Público presidido pelo Papa Francisco, na Basílica de S. Pedro, recebendo o título da Basílica de Santa Cruz na Via Flaminia, em Roma.

Atualmente, em paralelo a função de arcebispo Metropolitano de Brasília e a presidência da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), o cardeal Sergio da Rocha ainda acumula a função de membro do Conselho da Secretaria Geral do Sínodo dos Bispos (Vaticano) e da Pontifícia Comissão para a América Latina (CAL).

 

Parabéns, Dom Sergio, por mais um ano de episcopado!
Somos gratos a Deus pelo seu serviço, pela sua missão e pela sua vida.
Que Deus o fortaleça e lhe conceda muita paz e sabedoria em sua caminhada.


 

- Clique aqui e leia o currículo do cardeal dom Sergio na íntegra.

 



Foto: Núcleo de Fotografia da Arquidiocese de Brasília

Por Gislene Ribeiro

Imprimir Subir Voltar

 Fale Conosco Contatos Webmail Twitter GooglePlus Facebook Flickr Youtube
© Copyright 2013 - Todos os direitos reservados. Voltar a Home